As 17 maiores lições que aprendi em 2015


2015 já está indo embora e esse lindo ano deixa para mim uma tonelada de aprendizado e valiosas lições, que hoje compartilho com você!

Foi um ano, no mínimo, intenso! Repleto de desafios que me deixaram de cabelo em pé e também momentos de profunda felicidade, que acalmaram e energizaram meu coração e, claro, um ano de muito aprendizado!

1- Esteja perto de quem você admira.

Nesse ano eu me aproximei de muitas pessoas que admiro, que me inspiram, e isso fez toda a diferença no meu crescimento! Sei que essas pessoas muitas vezes parecem inalcançáveis, mas elas são seres humanos, como eu e você, e estão abertas e dispostas a nos ajudar e contribuir com a nossa caminhada! 2015 me trouxe novos amigos, mentores e parceiros!

2- O momento presente é sempre perfeito.

Essa lição é muito preciosa e me ajudou a compreender e aceitar todas as circunstâncias da minha caminhada, principalmente os desafios. Lembra que eu te disse que meu ano foi repleto deles? Pois é! Eu aprendi que o momento presente é sempre perfeito, ou seja, as coisas estão acontecendo exatamente como devem ser, em prol de um objetivo maior! Eu tenho meus sonhos e planos, entrego-os ao Universo e ele dá o jeito dele para que tudo aconteça da melhor maneira possível para mim! Você percebeu que eu falei que o Universo dá o jeito DELE, né? Não o meu jeito! Por isso, às vezes, eu não consigo compreender, no momento em que as coisas estão acontecendo, por que elas são do jeito que são, afinal de contas, o meu jeito seria completamente diferente! Isso nos leva à próxima lição que aprendi!

3- Agradecer até mesmo pelas coisas que eu ainda não consigo compreender.

Gratidão. Gratidão. Gratidão! Aprendi a ser grata até mesmo pelas coisas que ainda não consigo compreender! Como eu te disse ali em cima, as coisas nem sempre saem como eu planejei, mas no final, eu sempre percebo que foi o melhor para mim! Se você ainda não consegue entender, é porque ainda não chegou ao final, mas nunca, nem por um segundo, deixe de agradecer! Isso me deu muita força e coragem para seguir em frente, além da sensação reconfortante de que tudo está sempre bem!

4- O Universo vibra em abundância. Se você não está conseguindo tudo o que deseja, não culpe o Universo, quem está na vibração errada é você!

Esse ano eu consegui coisas que me pareciam impossíveis! Eu fiz alguns planos que, no momento em que planejei, eram impossíveis de acontecer! Seja por falta de grana, tempo ou qualquer outra circunstância, simplesmente não dava! As pessoas riam de mim quando eu falava das minhas pretensões! Advinha o que aconteceu? Tudo se realizou: viagens, cursos, parcerias e mais um monte de coisas “inacreditáveis”! O Universo é abundância e conspira para que todos os nossos sonhos se realizem! Lembre-se: o “como” fica por conta dele, o seu trabalho é visualizar, querer verdadeiramente, acreditar, confiar, comprometer-se e receber! Se as coisas não estão acontecendo na sua vida, não culpe o Universo, quem não se conectou na abundância (AINDA) foi você!

5- Quem não investe, não investe.

Essa lição entrou na minha vida dando logo três tapas na minha cara! Eu estava titubeando para fazer um grande investimento financeiro na minha carreira e, no mesmo dia em que eu externei isso ao mundo, recebi várias respostas do Universo, inclusive um vídeo da Carolina Nalon com este título “Quem não investe, não investe!”. Para chegar ao próximo nível, temos que investir! E quando falo de investimento, não me limito ao financeiro. Você pode investir seu tempo, atenção, cuidado, amor… O fundamental é investir! Quando você investe, você se compromete e dá tudo de si para fazer acontecer.

6- O segredo é a consistência.

Revelado o grande segredo para conseguir qualquer coisa que você queira: consistência! Sei que às vezes temos o ímpeto de abandonar o barco logo no comecinho da viagem, principalmente quando as coisas não estão dando muito certo! Mas o que separa os homens dos meninos é justamente agir com consistência. Então, faça o que tem ser feito, todos os dias, com muito empenho e dedicação! Alguns dias são difíceis, eu confesso, mas ter isso mente fez com que eu agisse e seguisse com consistência e muita dedicação.

7- A vida é muito frágil, valorize-a!

2015 me deu um dos maiores sacolejos que já tomei! Estava tudo bem comigo e, de repente, não estava mais. Recebi o resultado de uns exames com aquela notícia que ninguém quer ouvir: eu poderia estar muito doente! Graças a Deus, a cura veio bem rapidinho, mas a lição que eu tirei daí mudou a minha forma de viver! A vida é muito frágil e ela pode ser tirada de nós a qualquer momento! Então, não a desperdice vivendo pela metade, não passe o seu tempo como um zumbi ou apenas reagindo às circunstâncias! Viva com toda a intensidade e presença que sua vida merece ser vivida! Valorize cada milésimo de segundo e faça sua existência valer a pena!

Outra lição que tirei daí diz respeito às pessoas à minha volta! A vida delas também é frágil e isso transformou a minha maneira de me relacionar com elas. A gente sempre escuta que devemos nos relacionar com as pessoas como se fosse o nosso último dia de vida. Até que um dia me disseram algo que fez muito mais sentido: esteja com as pessoas como se fosse o último dia de vida delas! Isso me fez ser mais tolerante, relevar coisas que deixavam de ter importância sob essa nova perspectiva, e demonstrar mais meu amor e admiração.

8- Acredite nos seus sonhos e lute por eles.

Os seus sonhos são parte de você! Não tenha medo de sonhar! Alimente seus sonhos e lute por eles! Lembre-se da frase de Eleanor Roosevelt: “O futuro pertence àqueles que acreditam na beleza dos seus sonhos!”. Foi assim que consegui realizar vários dos meus esse ano!

9- As dificuldades são oportunidades disfarçadas.

Lembra da tonelada de desafios? Olha eles aí me ensinando mais uma vez! Aprendi que as dificuldades nada mais são do que oportunidades disfarçadas! Quando comecei a pensar assim, ao invés de reclamar ou me descabelar com um problema, mudei a minha percepção para procurar onde estava a oportunidade por trás de cada um deles! Encontrei várias, a maior parte dessa lista, por exemplo!

10- Não julgue as pessoas, conheça-as e compreenda-as melhor.

Taí uma lição para guardar no coração! Eu sempre tive a (infeliz) mania de julgar e rotular as pessoas. Com base nas informações mais rasas e incompletas, eu construía meu juízo de valor sobre uma pessoa e me afastava dela. A minha sorte foi que eu já havia aprendido a me perdoar pelos meus erros quando me dei conta do quão injusta eu estava sendo, e que a mais prejudicada por esse comportamento era eu mesma!

Eu me permiti jogar na lata do lixo todos os julgamentos que havia feito um dia sobre qualquer pessoa e comecei a conhecê-las e compreendê-las melhor. Eu percebi o quanto elas eram grandes lutadoras, por quantas coisas difíceis já haviam passado e que eu não fazia ideia de quem elas eram de verdade!

Jamais deixe que o mínimo que você pensa que sabe sobre alguém, ou ainda, que a opinião dos outros sobre alguém, interfira na maneira como você enxerga uma pessoa! O maior beneficiado por se livrar dos seus julgamentos será você mesmo!

11- Você é capaz de qualquer coisa.

Nunca, nunca, nunca duvide do seu potencial e da sua capacidade de realização! Você pode fazer qualquer coisa, pode aprender coisas que nem imagina e pode realizar ainda mais! Eu consegui fazer coisas nesse ano que, se você me dissesse há um ano, eu daria risadas! Descobri que sou capaz de muito mais do que eu poderia imaginar!

12 -O tempo é um recurso finito, escasso e não renovável. Faça bom uso do seu!

Acho que nunca na minha vida dei tanto valor ao meu tempo como em 2015. Eu me dei conta da preciosidade desse recurso e que cada minuto mal aproveitado me deixa um minuto mais longe dos meus sonhos. Desde então, busco eliminar as distrações e acabar com situações em que meu tempo é subaproveitado, como por exemplo, as idas ao supermercado, o tempo que passo que no trânsito ou em viagens de avião. Estou sempre escutando podcasts, lendo livros e transformando o tempo, antes ocioso, em momentos de aprendizado e crescimento! Desperdiçar meu tempo com bobagens, nunca mais!

13- A âncora tem 10% do peso do barco, mas ela o impede de seguir em frente.

Todos nós temos nossas âncoras, aquelas coisas que não parecem atrapalhar, mas, na verdade, nos impedem de seguir em frente. Em 2015 eu percebi que tinha uma âncora na minha vida, era um trabalho de meio horário, que eu achava que não atrapalhava em nada a minha jornada em direção aos meus sonhos (afinal, eram apenas 6 horas por dia), mas que na verdade, me mantinha presa a uma vida que já não me pertencia mais. É justamente este o problema das nossas âncoras, elas parecem não nos atrapalhar, mas nos mantém presos a uma realidade que não queremos mais. E aí, quais são as suas âncoras?

14- Feito é melhor do que perfeito.

Essa frase é um clássico, eu sei. Mas, mesmo sendo de absoluta notoriedade, aposto que você ainda se esconde atrás da desculpa da busca pela perfeição. Nesse ano eu tive que abraçar esse lema, ou não teria feito nem 10% das coisas que realizei. Muitas coisas não saíram do jeito que eu gostaria, com a “perfeição” que eu tinha idealizado na minha mente, mas o que realmente importa é que eu fui lá e fiz!

15- O fracasso não existe. Você não falha, você aprende valiosas lições que te aproximarão cada vez mais do sucesso.

O que você faria se soubesse que não poderia fracassar? O fracasso é algo extremamente assustador, ninguém quer falhar, não é mesmo? Mas uma das lições preciosas que esse ano me deixou é que é impossível fracassar! Aprendi com grandes mestres que o fracasso só existe para quem desiste, mas este definitivamente não é o meu caso! Claro que muita coisa deu errado, mas não encaro isso como uma derrota, encaro todas essas falhas como mais um passo em direção ao sucesso!

16- Tá com medo? Vai com medo mesmo!

O medo não vai embora, a não ser que você entre em ação. Em 2015 eu tive que fazer várias escolhas, tomar muitas atitudes e iniciativas que me apavoraram! Sim, deu medo, mas eu decidi que o medo nunca mais me paralisaria. Osho diz que coragem não é a ausência de medo. Coragem é agir apesar do medo! Então, deu medo? Vá com medo mesmo, mas vá!

17- Uma ideia não vale nada!

Eu costumo dizer que neste ano eu me alinhei com a abundância das ideias! Tive muitas ideias incríveis e fiquei super satisfeita com isso, achando que minhas ideias eram valiosíssimas! Só que aprendi que na verdade minhas ideias não valiam absolutamente nada, porque uma ideia, por si só, não tem valor nenhum! O que realmente vale é a ação que você toma para transformar aquela ideia em realidade!


Estes foram meus principais aprendizados em 2015. Fazer esse texto me permitiu reconhecer o quanto eu cresci durante esse ano, por isso, quero que você faça o mesmo! Reveja o seu ano e perceba quantos aprendizados ele te trouxe e como você é uma pessoa diferente hoje.

Compartilhe comigo suas lições. Escreva aqui nos comentários quais foram as mais marcantes para você!

Então, vem comigo!

  • Quer receber gratuitamente meu Livro Digital “3 Atitudes para Fortalecer a Autoestima pelo Autocuidado”? É só se cadastrar AQUI! Você ganha o meu e-book e ainda entra para a minha lista VIP, para receber conteúdo exclusivo!